/*cookies*/ /*em personalizar-avançadas-css tem mais partes. Bolachas/

quinta-feira, 5 de abril de 2018

Contigo

Saio de casa sem saber para onde ir
A rotina está à espera e eu ainda a dormir
De pés no chão, com a cabeça na Lua
Fico a pensar no amor que no presente perdura


Que tipo de ideia foi a tua
Quando apareceste e tudo de mim conquistaste
Ou que tipo de ideia foi a minha
Quando tudo de mim te dei?



[...continuação...]


Não só te dei, como também recebi
Incognitamente te tive a ti
Se algum feitiço lancei, não sei
Mas custa a acreditar que não só eu me apaixonei

No passado nunca imaginaria que esta magia
Um dia se transformasse neste meu real
No meio de "Se"s antigos, e "Porquê"s
Uma suposição fantasiada se torna verdadeira e natural

Se no amanhã este amor continuar,
Os meus sentimentos e desejos serão iguais
Talvez, até mais, maiores, e de um poder intensificado
Aí, espero então, permanecer a teu lado

Pois assim eu seria feliz... Agora
E, se assim permanecermos, no "nosso agora"
Poderei com toda a certeza afirmar
Que, no futuro, contigo vou estar

Vivendo um dia de cada vez
Preservo o meu atual tesouro
Parece que não, mas, devagarinho,
Já se passou mais de um mês...

E, certamente
muitos outros se passarão...
Contigo



Imagens: Akagami no shirayuki-hime /*recomendo*/

Sem comentários:

Enviar um comentário

A sua opinião é sempre importante! ^-^